Blog Destaque 2

Vacinas para viajar: por que alguns países exigem e quais tomar?

Em tempos de pandemia e confinamento, viajar virou desejo de consumo mais do que nunca. Mas sabemos que viajar exige muito planejamento. Entre os itens da lista de quem deseja se aventurar estão as exigências do destino. Por isso, confira aqui as principais informações sobre as vacinas para viajar, quando são obrigatórias, locais que fazem exigência e onde providenciar.

Que tal garantir as melhores passagens para a sua próxima aventura?
Então aproveite o link exclusivo do Louco Por Viagens para o Passagens Promo!

Qual a importância de se vacinar antes de uma viagem?

Explorar, conhecer, aventurar-se. Tudo isso envolve adaptação, tanto mental quanto física. E viajar engloba não somente essa adaptação quanto a preparação do nosso sistema imunológico, seja para as diferentes condições climáticas ou para hábitos alimentares distintos dos nossos. A vacinação é uma etapa fundamental para quem quer viajar, pois, independentemente do destino, nosso corpo é exposto a um ambiente fora na rotina.

Além disso, não precisamos imaginar muito, pois a própria pandemia do Coronavírus trouxe à tona outra discussão: a responsabilidade de quem viaja (e pode carregar enfermidades para regiões já livres de determinada doença) e de quem recebe turistas. Portanto, vacinar-se é não somente um ato de respeito e responsabilidade, como uma garantia de que a sua viagem não vai ser perdida para uma doença inesperada ou um mal estar fora do planejamento. Afinal, ninguém gosta de ficar doente, principalmente fora de casa, não é mesmo? Por isso, se informar sobre as vacinas para viajar é o mínimo que qualquer viajante deve se atentar ao planejar uma viagem.

 

Por que alguns países exigem vacinação?

por que alguns países exigem vacinação

Algumas nações exigem vacinação dependendo da região de origem do turista a fim de evitar que o viajante traga doenças que já estão controladas no país. Por exemplo, imagine um turista que chega em um país sem sintomas ainda aparentes de sarampo. Uma doença viral com alto contágio como essa pode desencadear surtos em locais despreparados para atender os doentes. Novamente, o coronavírus demonstra justamente isso: em determinadas regiões, coloca-se em risco toda uma população. Saber quais vacinas para viajar são necessárias antes de fazer a mala, é sem dúvidas o melhor ponto de partida.

 

Para quais lugares a vacina é obrigatória?

Cada país tem o seu tipo de exigência quanto à vacinação, por isso, é preciso investigar quais vacinas para viajar são exigidas no destino para onde o viajante irá. A cobrança pode ser feita com base no local de origem do turista ou como regra para qualquer estrangeiro ou visitante. Recomendo que você consulte na Anvisa e na OMS (além desta lista de países e suas respectivas exigências) para não ser pego de surpresa no balcão da empresa aérea ou, pior ainda, ser barrado na Alfândega de algum país.

 

Quais são as vacinas necessárias para viajar (obrigatórias e recomendadas)?

A única vacina mundialmente obrigatória é a da Febre Amarela, pois é uma doença infecciosa grave, transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti (bem conhecido dos brasileiros).

No entanto, a própria Anvisa recomenda outras vacinas como precaução, independente do destino. São elas:

  • Hepatite A e B;
  • Tétano;
  • Difteria;
  • Tríplice Viral (Sarampo, Rubéola e Caxumba);
  • Antirrábica (conhecida como Vacina da Raiva).

Veja a seguir as vacinas para viajar mais recomendadas de acordo com os continentes.

 

Europa

vacinas para viajar para europa

A Europa sofreu muito com o Coronavírus, mas a vacina ainda não está pronta (infelizmente). Porém, estas são as vacinas para viajar mais recomendadas para a Europa em 2020:

Norte da Europa

  • Hepatite B,
  • tétano e difteria,
  • encefalite transmitida por carrapatos;

Sul da Europa

  • Além das exigidas no norte da Europa, a região sul também exige as vacinas para:
  • Hepatite A,
  • febre tifóide,
  • poliomielite,
  • infecções meningocócicas
  • e raiva.

 

Vacinas para viajar para Portugal

E se você deseja conhecer a terra natal de Cabral, então saiba que, atualmente, a única vacina exigida é a da Febre Amarela.

 

América do Norte

Nos Estados Unidos, Canadá e México, as vacinas para viajar recomendadas para os turistas são:

  • Hepatite B,
  • tétano e difteria.

 

América do Sul

Por outro lado, na América do Sul, além das vacinas para viajar recomendadas nos países da América do Norte, também são indicadas aos viajantes as vacinas da:

  • Hepatite A,
  • febre tifóide,
  • e infecção meningocócica.

 

Ásia

vacinas para viajar para Ásia

O continente asiático orienta que seus turistas estejam em dia com as seguintes vacinas:

  • Hepatite A e B,
  • tétano e difteria,
  • febre tifóide,
  • poliomielite,
  • infecções meningocócicas
  • e raiva.

 

África

Já na África, as vacinas recomendadas são

  • Hepatite A e B,
  • tétano e difteria,
  • febre tifóide,
  • poliomielite
  • e raiva.

 

Oceania

Por fim, os países da Oceania exigem apenas a vacina da Febre Amarela.

 

Experiência do Louco

Apesar das exigências e recomendações, nesses meus anos de andanças pelo mundo afora, foram pouquíssimas as vezes que exigiram a documentação para comprovar as vacinas. Porém, é melhor não contar com a sorte e prevenir-se, tanto para garantir sua entrada em algum país quanto para ter certeza de que está imunizado.

 

Vacinas para viagens nacionais: quais e quando devo tomar

vacinas para viagens nacionais

Se a sua próxima aventura for em nosso país, então confira a seleção de vacinas para viajar no Brasil em 2020, de acordo com a localidade.

 

Vacinas para viajar para o nordeste do Brasil

As vacinas recomendadas para quem deseja conhecer o nordeste brasileiro são:

  • febre tifóide,
  • Febre Amarela,
  • Hepatite A e B,
  • diarréia dos viajantes.

 

Vacinas para viajar para Santa Catarina

Recentemente, Santa Catarina entrou na recomendação da Anvisa para vacinação para Febre Amarela, portanto, além das vacinas comumente aplicadas em todo território nacional, esta é a novidade para a região.

 

Quais as vacinas necessárias para viajar para Manaus?

Quem vai para Manaus precisa estar em dia com vacinas para:

  • Febre Amarela,
  • febre tifóide,
  • Hepatite A e B,
  • tétano,
  • dengue,
  • Chikungunya
  • e Zika

Devido às condições climáticas da região e à maior incidência dessas doenças na região.

 

Devo vacinar quanto tempo antes de viajar?

devo vacinar quanto tempo antes de viajar

Siga a recomendação da Anvisa, que é de fazer as vacinas, de preferência de 6 a 8 semanas antes de sua viagem e, no máximo, 4 semanas antes.

Por que este tempo?

Pois entre a aplicação da vacina e a janela de imunização, existe um período em que o seu corpo não possui proteção contra a doença. É o caso da Febre Amarela, que precisa ser feita com 10 dias de antecedência, pois essa é a sua janela de imunização.

 

Onde tomar vacinas para viajar para o exterior?

Se você decidiu viajar para outro país, já pesquisou a vacinação necessária, então agora precisa saber onde e como tomar as vacinas para viajar. A boa notícia para quem é brasileiro é que a grande maioria das vacinas exigidas no mundo são disponibilizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) de forma gratuita. Portanto, basta procurar um posto de saúde em sua região portando sua carteira de vacinação para garantir a imunização necessária.

No entanto, saiba que há centros de vacinação privados credenciados para aplicação de vacinas, caso você tenha preferência.

 

Como fazer Certificado Internacional de Vacinação?

certificado internacional de vacinação

O Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) é o documento que você precisa para apresentar em uma viagem, o qual comprova a vacinação contra doenças, de acordo com a definição do Regulamento Sanitário Internacional. Este documento é emitido pela Anvisa ao solicitante.

Para fazer o CIVP, você precisa seguir estas etapas:

  1. Vacinação – providencie as vacinas necessárias e guarde os comprovantes, pois nele deverá constar a data de aplicação, fabricante e lote da vacina, assinatura do profissional responsável e identificação da unidade de saúde que fez a aplicação.
  2. Cadastro faça o pré-cadastro para depois solicitar atendimento presencial ou web. É preciso que cada viajante tenha CPF e e-mail para completar o cadastro.
  3. Emissão – para emitir o Certificado, você pode optar pela retirada em uma unidade da Anvisa ou imprimir o documento em casa. Na emissão presencial, o responsável pela entrega e o viajante assinam o documento.

Para mais detalhes, consulte o portal da Anvisa e confira as Perguntas e Respostas sobre o CIVP disponibilizadas pelo órgão.

 

Perguntas frequentes sobre vacinas para viajar

Caso você ainda tenha dúvidas sobre vacinação, então confira as perguntas frequentes sobre as vacinas para viajar e deixe essa preocupação fora da sua lista para a sua próxima viagem.

 

A certidão internacional de vacinação tem validade?

O Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia não tem validade, considerando que vacinas como a da Febre Amarela são vitalícias. No entanto, se você fez novas vacinas que não constam no seu atual CIVP, então, vale a pena procurar a Anvisa e atualizar o seu certificado.

 

Como tomar a vacina da Febre Amarela para viajar?

Basta procurar um posto de saúde do SUS portando seu documento de identificação e a carteira de vacinação. Lembre-se de que a vacina para Febre Amarela precisa ser aplicada com, no mínimo, 10 dias de antecedência para garantir a imunização.

 

Quais as vacinas exigidas para entrar no Brasil?

O Brasil não tem protocolo obrigatório de vacinação para quem entra no país, porém, os órgãos responsáveis recomendam aos turistas que tenham vacina contra:

  • Febre Amarela,
  • Sarampo,
  • Rubéola,
  • difteria,
  • tétano
  • e poliomielite.

 

Quando retornar da viagem, devo tomar alguma vacina?

devo tomar vacina quando retornar

Não, pois a vacina serve para criar anticorpos e prevenir que você tenha a doença ou, caso contraia, tenha sintomas mais brandos. Porém, fica a recomendação de observar sintomas ao retornar de uma viagem e procurar atendimento médico, informando as regiões por onde esteve. Isso auxilia do rastreio de doenças e no controle de contágio.

 

Conclusão

Viajar é preciso e imunizar-se é um ato de responsabilidade e respeito de todo viajante. Por isso, escolha o local para onde deseja ir, verifique quais as vacinas para viajar são necessárias e previna-se para garantir que não irá contrair qualquer tipo de enfermidade longe de casa.

Planeje a sua viagem com o Seguro de Viagens

Se tem um item que não pode faltar na sua viagem é um seguro viagem.

É o tipo de investimento que eu espero que você nunca use, mas se precisar você verá o quanto vale.
Uma simples consulta médica no exterior pode custar mais que o preço do seguro por todo o período da sua viagem.

Um outro conselho é que você analise bem o tipo de seguro para ver se ele se encaixa com a sua viagem. Cuidado pois o barato pode sair caro.
A plataforma do Seguros Promo te permite analisar todas as coberturas antes de você comprar seu seguro.

Um seguro viagem te traz: Assistência médica e hospitalar, assistência odontológica, assistência jurídica, seguro bagagem e muito mais.

Vantagens do Seguros Promo

  • Garantia do melhor preço na sua escolha;
  • Comparação de preços entre várias seguradoras;
  • Facilidade na forma de pagamento;
  • Transparência nas informações sobre coberturas;
  • Atendimento ao cliente 24h em português.

Não dá pra viajar sem, não é mesmo? Viaje com tranquilidade!

Faça sua cotação

Aproveite que está nos preparativos para o próximo destino e confira estes conteúdos:

Como planejar uma viagem perfeita: 5 passos simples + Dica Bônus
App de viagem: Os 35 melhores aplicativos de viagem para viajar tranquilo!
Melhor lugar para sentar no avião: 5 dicas para evitar estresse!
Etiqueta de viagem: linguagem corporal
Conheça os 6 pontos turísticos de Portugal mais incríveis!

Deixe um comentário